20 de Maio de 2016

Report: notícias

Encontro GRI: primeiras impressões

A 5ª Conferência da GRI se encerrou hoje, em Amsterdã, após três dias de debates e exposições. A report esteve no encontro com dois integrantes da sua equipe, Gilberto Longo, sócio-diretor, e Victor Netto, consultor, que nos apresentam suas primeiras impressões:

  • Os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODSs) ingressaram, de fato, na agenda da GRI e das empresas e sugerem uma visão comum para grandes questões, o que permite maior interação, diálogo e colaboração.
  • Big data: um dos principais temas da conferência tratou do uso de tecnologia para informação de sustentabilidade (XBRL, qualidade, plataformas e etc.). É possível afirmar que muitos estudos sendo feitos, mas nenhuma proposta efetiva. A GRI promete impulsionar estes temas por meio do GRI Technology Consortium, um grupo focal lançado em dezembro e com um time forte liderado pelo professor John Elkington.
  • John Elkington, aliás, alertou sobre o fim das barreiras entre público e privado e das divisões setoriais em uma nova revolução industrial guiada pela tecnologia da informação. Não é exatamente uma novidade, mas o sentido de urgência está presente, já que não se avançou muito nesta agenda nos últimos anos.
  • GSSB: a GRI criou um comitê independente para o desenvolvimento de um novo standard: Global Sustainability Standard Board (GSSB), que deve aproveitar conteúdos da G4 mas construir uma estrutura mais modular, que se integre a diferentes usos, como às Demonstrações Financeiras (DFs), por exemplo. Os materiais estão disponíveis no site da GRI e aberto a consulta pública dos stakeholders.

Quem ficou no Brasil terá a oportunidade de conhecer em detalhes os principais temas discutidos durante a pós-Conferência, evento que será promovido pela própria GRI no Brasil, com apoio da report. Também vamos trazer outras novidades a respeito! Aguardem!