21 de Setembro de 2015

Report: notícias

Estudo mapeia desafios para integração da sustentabilidade às marcas

Integrar a sustentabilidade às funções de negócios, superar as barreiras do pensamento de curto prazo e aumentar o nível de engajamento de líderes corporativos. Estes desafios são alguns dos principais tópicos levantados na pesquisa “Sustainable Brands Rio How Now”, executada pelas consultorias Report e GlobeScan durante os preparativos para a conferência SB Rio 2015 e lançada no último dia 16. Para baixá-la, clique aqui.

O estudo reuniu as percepções de 83 profissionais de áreas como Sustentabilidade, Comunicação e Marketing, aprofundando alguns dos temas-chave do evento – como inovação, confiança, colaboração e liderança. A coleta de dados online ocorreu durante três semanas, entre julho de agosto de 2015.

Foram respondidas questões sobre integração de sustentabilidade às marcas, colaborações, parcerias para aceleração do desenvolvimento sustentável e formas de relacionamento com stakeholders, entre outros assuntos. Os participantes também puderam indicar exemplos de empresas que integram as funções de marketing e sustentabilidade – as mais mencionadas foram Natura, Itaú Unibanco e Unilever. A Report já executou projetos de comunicação, consultoria e conhecimento com as três empresas (saiba mais em nossos cases).

Os resultados indicam a existência de algumas barreiras para conectar práticas empresariais e sustentabilidade, como a pressão por resultados de curto prazo e a falta de apoio dos executivos. Outros pontos desafiadores são o convencimento de investidores sobre o potencial de geração de valor para a sustentabilidade e a superação da cultura de cumprimento de regulações.

Confira alguns destaques do estudo:

  • 16% dos participantes avaliaram como “Muito fraco” o engajamento das empresas brasileiras com seus stakeholders
  • 46% dos respondentes enxergam um propósito claro de geração de valor social em suas empresas
  • Projetos de parceria e colaboração e painéis de stakeholders são as principais formas de relacionamento das empresas com seus públicos
  • 51% das empresas que os respondentes representam já realizaram um ou mais projetos de colaboração
  • Colaboração sistêmica entre empresas, ONGs e governo é a principal forma de alavancar questões de desenvolvimento sustentável no País nos próximos cinco anos